Sep 17, 2021 Last Updated 5:13 PM, Sep 14, 2021

A CONTRIBUIÇÃO DA IGREJA CATÓLICA NA EDUCAÇÃO FORMAL NO NIASSA: CASO DOS MISSIONÁRIOS DA CONSOLATA DE MASSANGULO, 1950-1975

Categoria: I Nostri Dicono
Visite: 888 volte

Em dias passados (28 de Novembro 2013) Na Faculdade de Agricultura de Cuamba, sob o patrocínio da Faculdade de Educação e Comunicação da Universidade Católica de Moçambique, foi apresentada a dissertação cujo o título procurava reconhecer e em certa medida fazer homenagem ao trabalho educativo desenvolvido pelos missionários e missionárias da Consolata em Massangulo, nos anos 1950-1975.

O candidato procurou ilustrar a ação e especificidade educativa que a missão católica de Massangulo teve durante o período colonial, ao tempo que tentou demonstrar a incidência que a educação ministrada em Massangulo teve na educação formal na Província do Niassa.

Foi mesmo a partir da Introdução, que o candidato a mestre sentou o seu princípio motor: identificar as causas que levaram o governo colonial português eximir-se da sua responsabilidade no campo da educação e pesquisar o interesse dos Missionários da Consolata de Massangulo ao se assumirem tamanha missão social

Depois de passar os olhos pelos textos e manuscritos existentes sobre a ação educativa da missão de Massangulo no período em estudo, o candidato diz que a Massangulo os jovens eram enviados para aprenderem seja lá o que for: religião, formação humana e em especial a educação.

Sosteve igualmente, que em Massangulo os Missionários da Consolata desenvolveram um sistema educativo correspondente aos critérios que caracterizavam a educação formal: uma estrutura organizada intencionalmente e de forma sistemática: com tempos bem definidos, locais específicos, organização curricular e planeamento de actividades capazes de garantir o andamento desta modalidade educativa.

Continuando a sua apresentação o candidato afirmou que a educação ministrada pelos IMC de Massangulo enquadra-se no âmbito da educação formal pelas actividades educativas desenvolvidas, pela natureza, características e objetivos da educação ai fomentada.

Os estudos em Massangulo dividiam-se em escola de Artes e Ofícios para os rapazes e a escola de formação feminina para as raparigas.

Na escola de artes e ofícios ensinava-se (seguindo as orientações do regulamento de 1928) português, música, e ofícios vários: alfaiate, sapateiro, encadernação, carpintaria, dentre outros. No entanto na escola de formação feminina aprendia-se culinária, costura, lavar, engomar, etc. o tudo tinha que seguir as orientações emanadas pelo governo da Metrópole e conhecidas em Massangulo a través do Regulamento das escolas de artes e ofícios de 1928. Com o que o governo de Portugal pretendia regular todas as actividades inerentes ao funcionamento do ensino.

Foi dito, durante a defesa, que na época o estudante tinha de ser instruído na língua portuguesa, tolerando-se a língua materna só para o ensino da religião; isto obedecia a que um dos objetivos da educação no período colonial era integrar os nativos à cultura portuguesa.  Também foi dito que a educação ministrada em Massangulo não escapou ao sistema dual imposto pela Metrópole: educação oficial (para os filhos dos colonos e assimilados) e educação para indígenas, mais tarde conhecido como ensino oficializado (1961), sendo este último o que primou em Massangulo, dado o facto que os missionários se puseram ao lado do povo para defende-lo e promove-lo; certamente dentro o sistema vigente.

 

O estudo conclui que os missionários estavam convencidos da importância da escola como meio de promoção humana e instrumento de evangelização, razão pela qual empenharam-se mais na escolarização da população indígena

A mesa do Júri estava integrada por três professores da Universidade Católica, sendo um presidente e dois oponentes, dentre os que se contava o padre Álvaro López coordenador do curso de mestrados da programas aos-fins-de semana na Faculdade de Agricultura de Cuamba. 

 

 

 


Recenti

Fineste sull'America

14 Set 2021 Finestra sul Mondo

XXV Domenica del tempo ordina…

14 Set 2021 Domenica Missionaria

Riflessioni su Sant’Andrea Kim Taegon

Riflessioni su Sant’Andrea K…

12 Set 2021 I Nostri Missionari Dicono

La parola insegnata. La diacon…

12 Set 2021 Preghiere Missionarie

Visita canonica alla zona del pacifico colombiano

Visita canonica alla zona del …

12 Set 2021 I Nostri Missionari Dicono

Primi passi nella Comuna 13 di…

12 Set 2021 Missione Oggi

XXIV Domenica del tempo ordina…

07 Set 2021 Domenica Missionaria

Finestre sull'Asia

06 Set 2021 Finestra sul Mondo

Finestre sull'Africa

06 Set 2021 Finestra sul Mondo

La parola nella comunità. Int…

06 Set 2021 Preghiere Missionarie