Oct 20, 2021 Last Updated 1:03 PM, Oct 19, 2021

Missão como consolação

Categoria: I Nostri Dicono
Visite: 1928 volte
O nome de missionários e missionárias da Consolata, que nos identifica na Igreja e no mundo, indica o nosso carisma além-fronteiras e a nossa fisionomia mariana, vivida como consolação de Deus: missão e consolação intimamente unidas. O bem-aventurado José Allamano assim o entendeu quando formava os primeiros missionários: “Sim, denominamo-nos missionários da Consolata. A Consolata é nossa mãe terníssima. O nome que trazeis deve levar-vos a vos tornardes o que deveis ser”. De que consolação se trata? Quais são as suas características?

A Consolação na história
A consolação parte sempre de uma situação de sofrimento que pode ser físico, moral, individual ou social. Perante situações que não encontram resposta humana, é necessário procurar uma saída divina, a exemplo de Israel na libertação da escravidão do Egito. Esta constatação nos obriga a fazer uma leitura coerente das numerosas e dolorosas situações de aflição nos contextos sociais onde vivemos e evangelizamos. Trata-se dos clamores dos sofridos de hoje, do ódio entre culturas e religiões, trata-se da exclusão econômica e social da maioria dos habitantes do planeta Terra, da injustiça perpetrada por pessoas e instituições, que provoca os mais variados conflitos: terrorismo, guerras declaradas, guerras latentes, guerras esquecidas, publicidade da violência nos meios de comunicação social, linguagem violenta na vida social e política...

Todas as culturas e religiões, escolas de pensamento e movimentos humanitários da antigüidade e de hoje, contaram e contam com ensinamentos para consolar os aflitos, para curar os doentes, para libertar os oprimidos do jugo da escravidão. Sem negar a consolação humana, a Bíblia oferece uma consolação mais profunda e integral. Os profetas anunciaram uma consolação que tem como protagonista o próprio Deus, o Deus de toda a consolação, que fala ao coração das pessoas. Toda a ação de Deus, da Criação à Salvação em Cristo, apresenta-se sob a ótica da consolação. Esta obra atinge sua plenitude na consolação definitiva trazida por Cristo, missionário do Pai. Ele próprio é a consolação de Israel.

A Consolação hoje
Hoje, Deus, Pai de toda a consolação, continua a chamar outras pessoas, outros profetas, outros apóstolos, para manifestar e comunicar a consolação. O consolador, fiel à missão de Deus, fala ao coração, isto è, vai à raiz, desce em profundidade, vai ao âmago da pessoa aflita, porque a consolação que oferece é algo muito profundo e radical. Ao mesmo tempo, quando necessário, deverá utilizar também o método da denúncia profética, à semelhança de Moisés, dos profetas, de João Batista, do próprio Jesus e dos mártires do nossos dias, que todos conhecemos, como Dom Oscar Romero, padre João Bosco, Irmã Dorothy, etc.

Nesta missão de consolação, Maria é Mãe e modelo. Maria escuta e acolhe a palavra na anunciação; é diligente no serviço e visita a Isabel; é atenta às necessidades dos outros nas bodas de Caná; participa do sofrimento do Filho no Calvário; acompanha e assiste a Igreja nascente no Pentecostes. Maria viveu um caminho progressivo de fé atenta à voz de Deus, na contemplação, na gratuidade da sua vida, na pontualidade da ação, na doação total de si mesma.

Cabe a nós, agora, seguir estes ensinamentos na coerência e retidão de vida, nas opções e atividades de cada dia, em todo o nosso ser e agir. Deste modo, realizaremos a missão como consolação libertadora de tudo o que é negativo na vida das pessoas, e caminharemos rumo àquele mundo definitivo, “onde não haverá mais lágrimas, gemidos ou dor” (Ap 21, 4). “Então todos poderemos gritar cheios de esperança: passou o velho mundo e começa o mundo sem males” (Ap 22, 5).

Fonte: Revista Missões

Recenti

Finestre sul mondo

19 Ott 2021 Finestra sul Mondo

XXIX Domenica del Tempo Ordina…

19 Ott 2021 Domenica Missionaria

Ottobre missionario. Il mister…

18 Ott 2021 Preghiere Missionarie

Visita Canonica nella zona del Meru

Visita Canonica nella zona del…

18 Ott 2021 I Nostri Missionari Dicono

Il Vescovo Ponce de León: "La via per uscire dalla crisi è un dialogo nazionale realmente inclusivo"

Il Vescovo Ponce de León: …

18 Ott 2021 I Nostri Missionari Dicono

Mons. Giovanni Crippa nuovo vescovo di Ilheús

Mons. Giovanni Crippa nuovo ve…

18 Ott 2021 I Nostri Missionari Dicono

Indigeni migranti a Boa Vista …

18 Ott 2021 Missione Oggi

Finestre sul mondo

12 Ott 2021 Finestra sul Mondo

XXIX Domenica del Tempo Ordina…

12 Ott 2021 Domenica Missionaria

Ottobre missionario. I frutti …

11 Ott 2021 Preghiere Missionarie