Jun 21, 2018 Last Updated 10:01 PM, Jun 20, 2018

Assembleia IMC divulga Carta de solidariedade aos missionários e ao povo da Venezuela

Letto 188 volte
Vota questo articolo
(0 Voti)

A Venezuela está passando por uma situação dramática. O povo enfrenta escassez de alimentos, remédios, serviços básicos, como hospitais, escolas, água, eletricidade, transporte, etc. Diante desta crise, os 31 missionários da Consolata participantes da Assembléia do Continente Americano, reunidos em Bogotá, Colômbia, de 5 a 10 de março, divulgaram uma carta de solidariedade e apoio aos colegas missionários e comunidades daquele país.
“Acima de qualquer situação política, o presente da Venezuela nos machuca. Falta comida, serviços de saúde básicos, as crianças muitas vezes são impedidas de frequentar a escola, famílias desmembradas por deslocamentos forçados em busca de segurança e proteção em terras estrangeiras, indígenas e afrodescendentes despojados de seus territórios e cultura”, diz um trecho da Mensagem publicada neste sábado, 10 de março, em Bogotá. Leia à seguir, a íntegra da Carta.

MENSAGEM SOLIDÁRIA AOS MISSIONÁRIOS E COMUNIDADES DA VENEZUELA

Nós, os missionários da Consolata reunidos em Bogotá, Colômbia, para a Assembleia Pós-Capitular do Continente América, comovidos pela realidade que o povo venezuelano está experimentando, desejamos expressar nossa solidariedade e apoio.

Acima de qualquer situação política, o presente da Venezuela nos machuca. Falta comida, serviços de saúde básicos, as crianças muitas vezes são impedidas de frequentar a escola, famílias desmembradas por deslocamentos forçados em busca de segurança e proteção em terras estrangeiras, indígenas e afrodescendentes despojados de seus territórios e cultura. Todas essas situações estão deteriorando de forma trágica, o conjunto de cuidados que sustenta um povo.

Nesses momentos angustiantes, as pessoas podem se perguntar: onde está Deus? Seja a presença dos missionários da Consolata, o bálsamo e o reflexo do amor do Pai misericordioso. Deus sempre acompanha quem está no caminho. Como Igreja, queremos dizer-lhes que vocês não estão sozinhos, mas que estão com Deus e sob o doce olhar de Nossa Senhora de Coromoto.

Jesus sempre se identificou com os deslocados, porque ele viveu essa situação em sua própria carne. Ele nos anima a manter a fé e a esperança em um futuro melhor sabendo que quanto mais escura a noite, mais perto está a luz de um novo dia que amanhece.

Comprometemos nossos corações, mentes e mãos na missão com os mais vulneráveis e pedimos à nossa Santíssima Mãe, a Virgem Consolata, que dê consolo a este presente doloroso e a nossos protetores, o Bem-aventurado José Allamano e São Óscar Romero, que infundam ânimo para sonhar um futuro em que a fraternidade e os cuidados sejam sinais de convivência cívica.

Os participantes da Assembleia
Bogotá, 10 de março de 2018

Devi effettuare il login per inviare commenti

Recenti

Giovani e Chiesa verso il Sinodo: u…

21 Giu 2018 Finestra sul Mondo

Segretario Onu: Le migrazioni sono …

21 Giu 2018 Finestra sul Mondo

Iglesia de Colombia envía misionero…

20 Giu 2018 I Nostri Missionari Dicono

Festa della Consolata alla Casa Gen…

20 Giu 2018 I Nostri Missionari Dicono

KENYA: Consolata Missionaries hold …

19 Giu 2018 I Nostri Missionari Dicono

Usa, i vescovi preparano una letter…

18 Giu 2018 Finestra sul Mondo

Papa Francesco: “La famiglia è una …

18 Giu 2018 Finestra sul Mondo

Beata Vergine Maria Consolatrice (L…

18 Giu 2018 Preghiere Missionarie

XII Domenica T.O. - Anno B

18 Giu 2018 Domenica Missionaria