Oct 17, 2017 Last Updated 9:04 PM, Oct 15, 2017

Il consiglio Continentale Europeo si è ritrovato a Madrid per l'ultima riunione del 2015. E' un momento
particolare di discernimento e programmazione delle attività che porteranno i missionari del continente verso il
prossimo Capitolo Generale.
Prima di dare il via alla riflessione e all'analisi del lavoro svolto in questi ultimi mesi dai missionari nel
Continente e procedere a redigere la sintesi continentale del Progetto Missionario, si è voluto però iniziare con
un momento insieme particolarmente significativo. Ieri, 14 dicembre, memoria di San Giovanni della Croce, ci siamo
recati a Segovia, a circa un'ora di macchina dalla capitale, per pregare nel convento da lui fondato e dove sono
custodite le spoglie del grande santo che fu, insieme a Santa Teresa d'Avila, riformatore dell'ordine Carmelitano.
Abbiamo concelebrato l'Eucaristia insieme alla piccola comunità carmelitana, alcune decine di fedeli e Sua
Eccellenza César Augusto Franco Martínez, vescovo di Segovia, che ha presieduto la celebrazione.
Abbiamo affidato a San Giovanni della Croce il nostro lavoro di questi giorni e tutto il cammino di
rivitalizzazione che l'Istituto chiede da tempo e cerca con fatica di costruire, giorno dopo giorno, per rendere
la sua missione più efficace e al passo con i tempi.

Realizou-se de 1 a 15 de Abril a visita canónica levada a cabo pelos Padres Stefano Camerlengo e Ugo Pozzoli, Superior Geral e Conselheiro Continental, os quais tiveram a oportunidade de visitar as várias comunidades de Espanha acompanhados pelo superior regional, Padre José Martin.

Nesta visita canónica, Padre Stefano, teve a oportunidade de ver de perto as diferentes realidades onde estamos inseridos e, ao mesmo tempo, teve o ensejo de falar pessoalmente com cada um dos membros da região. Denotando, de uma forma geral, uma serenidade em todos os membros e que estavam empenhados em contribuir cada vez mais para corresponderem aos desafios da missão hoje, mais concretamente na realidade espanhola e a nível de Instituto.

No que diz respeito ao Instituto insistiu no caminho da continentalidade como um facto de futuro tendo em conta que muitos outros Institutos já o tenham aplicado. Por outro lado, apresentou-se a questão dos anciãos e dos doentes, bem como a utilização dos meios de comunicação social.

No que concerne à região de Espanha ficaram várias perguntas de alerta para uma renovação continua do nosso ser Ad Gentes, não somente voltados para dentro, ou seja, restringindo-nos às diferentes actividades que são uma opção da região, mas também, a repensar como a mesma pode ser significativa numa expressão de continentalidade.

Insistiu-se muito em sermos missionários a partir do encontro com o povo. Isto implica dizer que o missionário da Consolata hoje deve ter uma grande sensibilidade social, eclesial e, sobretudo, de comunhão de forças. Somente assim, poderá responder às exigências actuais da missão, sem esquecer que esta está em contínuo discernimento devido a que mesma está sempre em movimento.

 De uma forma resumida, estas foram as linhas gerais desta visita canónica à Região de Espanha.

Recenti

Veglia Missionaria 2017

15 Ott 2017 Preghiere Missionarie

Paolo e l’Evangelizzazione Oggi

15 Ott 2017 Missione Oggi

Giornata contro la pena morte. Amne…

15 Ott 2017 Finestra sul Mondo

Le icone russe tra fede, musei e af…

15 Ott 2017 Finestra sul Mondo

XXIX DOMENICA del Tempo Ordinario -…

15 Ott 2017 Domenica Missionaria